A LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) tem como objetivo organizar o cenário empresarial e proteger a privacidade da população, pois dados pessoais só podem ser utilizados por empresas se forem fornecidos com consentimento.

A lei foi sancionada em agosto de 2018 e o prazo para empresas se adequarem é agosto de 2020. O processo não é simples e caso haja descumprimento das regras, as multas:

  • Podem chegar a 2% do faturamento das empresas;
  • São limitadas a 50 milhões de reais.

Apesar dos grandes valores e mudanças que devem ser realizadas por parte das empresas, a LGPD também gera frutos positivos para seu negócio e claro, para a sociedade.

Pensando nisso, separamos alguma das vantagens que a lei pode trazer para seu negócio. Elas são:

Organização e otimização

Com a LGPD, é preciso entender tudo o que está armazenado, qual a importância dos dados e a forma como eles são utilizados.

Dessa forma, o setor de TI precisa compreender o cenário de gestão de dados, traçar planos de ação em conjunto com os outros setores para adequar a empresa.

Isso resulta em:

  • Melhoria da gestão de dados;
  • Otimização de armazenamento em rede;
  • Identificação e organização dos dados rastreados.

Conscientização

É preciso conscientizar e capacitar colaboradores da importância dos dados pessoais dos clientes e possíveis clientes para que eles possam compreender a responsabilidade para com esses dados.

As mudanças vão impactar a maneira como algumas atividades são realizadas.

Relações mais transparentes

Um dos objetivos da lei é possibilitar a maior transparência sobre a utilização das informações de consumidores. Especialmente quando, em tempos atuais, o fluxo de dados é cada vez maior e o uso deles, desconhecidos.

Com a LGPD, as empresas se aproximam dos stakeholders e demonstram responsabilidade em como os dados lhes é confiado são tratados.

Valorização da segurança cibernética

Resulta em um setor de TI com um foco maior na segurança, o fluxo de trabalho passa a exigir cuidado maior na gestão de dados.

Dessa forma, as empresas passam a ter políticas internas de segurança mais robustas e que contribuem para a redução dos riscos de uso inadequado de informações pessoais como:

  • Invasões;
  • Violações;
  • Vazamento de dados.

Transformação Digital

Todas essas mudanças resultam em investimento na tecnologia.

Dessa forma, empresas podem dar seus passos em direção à Transformação Digital. Ademais, podem adotar ferramentas que não só resultam na segurança da informação dos dados, como também na digitalização do negócio como Inteligência Artificial (AI) e Internet das coisas (IoT) para:

  • Captação;
  • Leitura;
  • Direcionamento inteligente de dados

Proteção de dados e relação melhor com os clientes

Por meio da confiabilidade e respeito à privacidade.

Com a necessidade do consentimento para a captação dos dados de clientes e possíveis e clientes, aumenta a probabilidade de proximidade do cliente com a empresa que seja de real interesse.

Com abordagens menos invasivas, o interesse do consumidor tende a crescer naturalmente, pois:

  • Passa confiança para o cliente;
  • Passa preocupação com o bem-estar.

Aumento da segurança jurídica

Por meio dos dados pessoais, a LGPD determina regras para o tratamento de dados pessoais que garante a privacidade e segurança em qualquer país que seja coletado. Isso se dá, pois é o usuário quem é o dono das informações, independente de quem os detém.

As empresas então passam a se preocupar mais com políticas de privacidade e:

  • A informação passa a ser considerado um bem valioso;
  • Ocorra um maior investimento em segurança.

Além disso, a legislação coloca o Brasil como um local que está alinhado com outras regulamentações mundiais, o que dá uma visão de um ambiente seguro para o uso de dados pessoais ao país.

 

Não use sistemas antigos que resultam não só em riscos para a segurança da sua empresa, como também a não agir de acordo com as leis de conformidade!

A Grvppe oferece as melhores soluções do mercado! Clique aqui para conversar com um de nossos consultores e saiba mais!

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *